Nesse sábado, 12, a Polícia Militar do Estado Sergipe (PMSE), por meio do 1° Batalhão de Polícia Militar (1° BPM), realizou uma comemoração especial do Dia das Crianças. O evento contou a entrega de brinquedos, lanches e cestas básicas paras crianças carentes do Bairro Santa Maria, na Zona Sul da capital.

A ação solidária contou com a participação do comandante-geral da Polícia Militar, coronel Marcony Cabral, e do comandante do policiamento militar da capital, coronel Neto, que ao lado comandante do 1°BPM, tenente-coronel Hilário, acompanharam o fortalecimento da integração entre a PMSE e a comunidade.

Durante o evento, o tenente-coronel Hilário destacou a parceria da 9ª Delegacia comandada pelo delegado Gilberto Guimarães na realização do evento.  Ele ainda ressaltou que a comemoração serve para aproximar ainda mais a Polícia Militar da comunidade por meio das crianças. “Como diz a bíblia, sem as crianças, não conseguiremos alcançar o reino dos céus”.

Ainda segundo o comandante do 1º BPM, as crianças são o nosso futuro e este é um evento histórico, pois, é a primeira vez que acontece uma festa desse tamanho aqui no bairro.

“O evento é para mostrar as crianças que a Polícia Militar trabalha não só para reprimir, mas também trabalha dando o exemplo do que é correto. Espero que no próximo ano possamos fazer uma festa ainda maior, pois ajudando essas crianças, estamos ajudando toda a sociedade sergipana”, frisou o tenente-coronel.

O presidente do Conselho Comunitário do Conjunto 17 de Março, Jorge Jesus Lima, parabenizou o tenente-coronel Hilário pela iniciativa em organizar a festa e pelo trabalho no combate à criminalidade na região.

“Por causa deste trabalho estamos completando mais de 116 dias sem nenhum homicídio doloso aqui no bairro. Um trabalho inovador do tenente-coronel Hilário e toda a sua equipe de policiais militares, que se esforçaram para realizar este trabalho maravilhoso com as crianças. Estamos alegres de ver essa integração da polícia com a comunidade, que já rende frutos e tranquilidade para essa região tão sofrida”, afirmou Jorge Lima.

O evento também contou com o apoio do Corpo de Bombeiros Militar, Guarda Municipal de Aracaju, SMTT, Polícias Federal e Rodoviária Federal, Exército Brasileiro e da sociedade civil.