CONVITE: Oficial da PM defende Trabalho de Conclusão de Curso sobre Capacitação em Armamento, Munição e Técnicas de tiro na PMSE

O tenente Irlan Massai Calaça dos Santos, integrante do Comando de Operações Especiais da Polícia Militar do Estado de Sergipe (COE/PMSE) e aluno do curso de pós-graduação lato sensu em “Criminalidade Violenta, Controle Social e Políticas Públicas” da Universidade Federal de Sergipe (UFS), defende às 19h desta quarta-feira, 23, o seu Trabalho de Conclusão de Curso, intitulado “Capacitação em Armamento, Munição e Técnicas de tiro defensivo na Polícia Militar de Sergipe: Desafios e Limitações”. O evento acontece na Sala 4, localizada no Bloco Departamental II, térreo, no Campus São Cristóvão.

Durante a avaliação, o oficial expõe o trabalho feito no decorrer da pós, que buscou analisar a estrutura da formação em tiro ofertada pela PMSE atualmente, bem como a quantidade de disparos feita pelos alunos, armas utilizadas nas instruções e metodologia de avaliação. Além do levantamento, o tenente Calaça também traz um comparativo entre a formação praticada na Corporação sergipana e em outros estados e instituições.

A pesquisa quantitativa, que contou com a orientação da professora doutora Jovanka Carvalho Praciano, foi realizada em 2016, com cerca de 420 militares, e teve como guias o estudo das principais referências teóricas sobre tiro, a análise de documentos da PMSE e a experiência do discente, que é instrutor de tiro na briosa.

A defesa é pública e quem comparecer acompanhará as constatações levantadas pelo oficial. Sobre a apresentação, bem como a sua relevância para a Corporação, o tenente Calaça afirma que “o trabalho feito é importante por fomentar a discussão sobre a necessidade de padronização no que se refere à instrução de tiro”. Além desta, outras informações serão detalhadas ao público que comparecer.

23 de maio de 2018|COE, CPMC, Especializadas|