Enquete realizada em escola da rede privada de Aracaju destaca a Polícia Militar como uma das profissões preferidas dos alunos

A Polícia Militar, por meio do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) e da Companhia de Polícia de Trânsito (CPTran), participou na manhã da última sexta-feira (4) do “Encontro MAIS: motivação, autoconhecimento, informação e solidariedade”. O evento promovido pelo Instituto Dom Fernando Gomes, instituição de ensino localizada no Bairro Siqueira Campos, Zona Norte da capital, reuniu profissionais de diversas áreas de atuação.

A ideia do encontro foi apresentar para os alunos do 3° ano do ensino médio, de forma teórica e prática, as características e atribuições de algumas profissões, considerando que eles estão vivenciando um período decisivo na escolha de suas carreiras. Segundo a psicóloga escolar Jamile Santana Teles, organizadora do evento, foi realizada uma enquete entre os alunos com as profissões que eles mais se identificam e têm o interesse em conhecer melhor. Dentre as que mais despertam a curiosidade dos discentes está a carreira militar, motivo pelo qual a PMSE foi convidada para palestrar.

Na ocasião, os militares do Proerd, sargentos Genivaldo e Martin, apresentaram um panorama geral sobre a carreira do policial militar, as formas de ingresso na Corporação, além da formação e aperfeiçoamento dos policiais. Tratou ainda do desenvolvimento do Proerd em Sergipe, contando um pouco dos 17 anos de história do programa de prevenção primária ao uso indevido de drogas e à violência. “Foi um momento especial, porque grande parte dos alunos já foram formados no Proerd, o que causou um grande sentimento de nostalgia”, lembra o sargento Genivaldo, coordenador pedagógico do programa. Os policiais militares da CPTran, cabo Damasceno e o soldado Machado, tiveram a oportunidade de apresentar aos alunos o desenvolvimento das atividades da companhia especializada, tirar dúvidas da garotada sobre o trânsito e interagir de forma prática com eles.

Muitos dos alunos demonstraram o interesse em ingressar na atividade policial militar, principalmente depois de assistir a essas palestras. É o caso da estudante Elizabete de Oliveira, que disse ter clareado suas ideias quanto à escolha de sua futura profissão. “Eu sempre pensei em ser médica veterinária, mas também acho muito linda a profissão de policial militar. Minha principal dúvida, era como eu podia conciliar essas duas atividades numa carreira só, e isso foi muito bem esclarecido pelos policiais”, contou a estudante. Além dos policiais, participaram do evento profissionais da área de advocacia, enfermagem, web designer, fisioterapia, medicina e nutrição.

Jamile Santana agradeceu a participação da Policia Militar, e afirmou que “a palestra foi muito enriquecedora, porque ela englobou algumas áreas, como a carreira militar e a questão do trânsito. Os policias fizeram demonstrações práticas de alguns instrumentos que eles utilizam, o que é importante para que os adolescentes tenham consciência dessa realidade”, explicou a psicóloga. E finaliza, “foi muito importante, não só para o desenvolvimento profissional, como também pessoal. Isso contribui bastante para a escolha desses jovens”.

7 de maio de 2018|Notícias, PROERD|