Governador entrega base móvel da PM no Sertão e empossa novo comandante da Caatinga

O reforço da segurança pública no interior sergipano ganhou mais uma contribuição com a entrega, nesta sexta-feira (27), de base móvel da Polícia Militar em Canindé e posse do novo comandante da Companhia da Caatinga. As solenidades foram coordenadas pelo governador Belivaldo Chagas e integram o Plano de Segurança apresentado pelo gestor no início do mês.

A Base Móvel da PM reforçará o policiamento da região do Sertão, atendendo a 4ª Companhia nos municípios de Canindé, Poço Redondo, Monte Alegre, Nossa Senhora da Glória, Gararu e Nossa Senhora de Lourdes. Essa é a segunda Base Móvel entregue esta semana pelo governo. Na última segunda-feira (23), o município de Itabaiana recebeu uma unidade móvel, além de equipes da Força Nacional de Segurança.

“A gente traz mais uma unidade da Polícia Militar, que vai atuar nos municípios que compõem a região. Um grupo de policias fazendo o que tem que ser feito para proteger a população. Nós não estamos medindo esforços para melhorar a questão da segurança pública. Assim como Jackson Barreto autorizou concurso público para as Polícias e Corpo de Bombeiros, assim que assumi o governo fiz questão de convocar mais 50 policiais civis para ampliar as ações voltadas à investigação, com objetivo de fazer com que as delegacias plantonistas estejam abertas para atender a população. Não vamos prometer o que não podemos, mas não vamos medir esforços para fazer com que a população volte a se sentir segura. Se o governo Federal faz sua parte, se o município faz a dela e o Estado também, a população sai ganhando”, disse o governador Belivaldo Chagas.

Para o comandante da 4ª Companhia, Ianderson Coutinho, a entrega da Base Móvel representa mais agilidade no atendimento às ocorrências, o que oferecerá maior segurança à população de Canindé e cidades vizinhas. “Ganhamos, agora, essa viatura com alta tecnologia que possibilitará o mapeamento das áreas críticas da região e, de forma estratégica, vamos planejar mais ações contra a criminalidade”.

Com investimento de R$ 198 mil, o veículo dispõe de seis câmeras externas e duas câmeras internas de gravação em alta definição, com capacidade de armazenamento de 500 gigabytes e GPS. As câmeras estarão ligadas com a sala de situação da Polícia Militar.

Companhia da Caatinga

Na ocasião, o governador empossou o novo comandante da Companhia Independente de Operações em Área de Caatinga (Ciopac), Major Joaldo Vicente do Nascimento. A solenidade foi realizada no Monumento Natural da Grota do Angico, em Poço Redondo.

Major Joaldo assume a Ciopac em substituição ao antigo comandante, Capitão Oliveira, assassinado no início deste mês. Além da posse, o evento também homenageou o ex-responsável pela Ciopac – que foi um dos fundadores e idealizadores do Pelotão de Caatinga da Polícia Militar -, dando o nome dele à casa sede da Grota do Angico.

Para Belivaldo, a homenagem é justa e representa o reconhecimento do trabalho de Capitão Oliveira na região. “Neste momento, em mais uma homenagem mais do que merecida ao Capitão Oliveira, que inclusive, foi promovido postumamente a Major. Para nós, o Capitão será inesquecível e, por isso, realizamos essa homenagem a ele e a sua família. Além disso, demos posse ao novo comandante do Ciopac, o Major Joaldo, que já fazia um trabalho junto ao capitão Oliveira. Portanto, a expectativa é positiva. Major Joaldo, que seu conhecimento possa dar continuidade ao trabalho exemplar deixado pelo capitão Oliveira e que o Pelotão continue de forma exemplar a desenvolver o seu trabalho”, explicou o governador.

Na solenidade, a casa sede recebeu uma placa de homenagem ao Mérito Ambiental, pela memória do capitão e de sua trajetória frente à segurança e às causas ambientais em Sergipe, sobretudo na região do Alto e Médio Sertão. A família do Capitão Oliveira também recebeu uma placa de homenagem. Thiago, filho de Oliveira, falou emocionado sobre a memória do seu pai. “Eu quero agradecer em nome da família, por todas essas homenagens que fizeram pós-morte ao meu pai. Os fatos demonstram o legado que ele deixou e o grande homem que ele foi”.

O prefeito de Poço Redondo, Júnior Chagas, também participou da solenidade e lembrou a atuação do Capitão Oliveira na região.  “Ele fez amizades com as pessoas simples e humildes do nosso município. Ele não utilizava a farda para impor sua autoridade. É de grande importância como um grande comandante se comporta com humildade e simplicidade diante da população, porque os comandantes, assim como os policiais, precisam do apoio da sociedade, e o capitão Oliveira sabia fazer isso muito bem”, afirmou.

Ao lado do secretário de Estado de Segurança Pública, João Eloy, o comandante geral da Polícia Militar, Marcony Cabral, também prestou homenagem a Oliveira, destacando sua atuação no Sertão e a promoção à Major pós-morte, realizada pelo governador. “Apesar de nós sabermos que o nosso irmão Oliveira é conhecido aqui na região como Capitão, o governador do Estado, em tempo recorde, já o promoveu a major pós-morte. Isso não é só reconhecimento, isso é um acolhimento à família. Essa promoção representa uma melhoria na qualidade de vida deles pós falecimento do Capitão Oliveira. Hoje, o nosso irmão Oliveira é o Major Oliveira”, reforçou.

Marcony também falou sobre a chegada da base móvel, que atenderá diversos municípios sertanejos. “O policiamento aqui na região será muito melhorado com essa base móvel de monitoramento e fará com que esses policiais possam prestar um melhor serviço”, complementou.

Sobre a Ciopac

O novo comandante do Pelotão da Caatinga, Major Joaldo, era subcomandante do Batalhão de Polícia de Choque, e chega ao Sertão com a missão de dar continuidade ao trabalho exercido nos últimos anos.

“Assumo neste momento triste e delicado. Mas o comandante nos confiou essa missão e vamos cumprir a contento, dando segurança a toda a sociedade”, pontuou.

A Ciopac conta com uma recém-inaugurada base no Povoado Vaca Serrada, em Porto da Folha. O posto, que funcionou por alguns anos no município de Nossa Senhora da Glória, foi reaberto após passar por uma reforma geral, com investimentos de cerca de R$ 220 mil. O funcionamento da unidade permite uma diminuição do tempo de resposta nos acionamentos e patrulhamento das cidades que fazem parte do Alto Sertão de Sergipe.

Por Agência Sergipe de Notícias (ASN)

27 de abril de 2018|Notas Públicas, Notícias|