Militares do Coe cumprem mandados de prisão em operação conjunta com a SSP

Policiais militares do Comando de Operações Especiais (COE), em operação intitulada “Rubicão”, desencadeada pela Secretaria da Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE), nesta sexta-feira, 19, executaram mandados de prisão dos responsáveis pelo homicídio do capitão Manoel Oliveira, então comandante da Companhia Independente de Operações Policiais em Áreas de Caatinga (Ciopac).

O operação foi realizada de forma conjunta, em quatro municípios diferentes nos estados da Bahia e Sergipe, envolvendo diversas unidades policiais desses dois estados. Em todos os pontos de execução da operação, houve resistência à ação policial, e como resultado, oito indivíduos relacionados com a morte do capitão Oliveira vieram a óbito.

O COE, Unidade subordinada a PMSE, recebeu a ordem de cumprir ao mandado de prisão contra Edu dos Santos Oliveira, que reagiu a ação policial, juntamente com o comparsa, um ex-policial militar do estado de Sergipe, Antônio Brás dos Santos Neto, expulso da Corporação por envolvimento na execução do Deputado Joaldo Barbosa, e que estava auxiliando no esconderijo de Edu. Ambos foram alvejados e socorridos, porém vieram a óbito no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse).

Com eles foram apreendidos um revólver calibre .38 e uma espingarda calibre 12, além das munição para para cada armamento. O caso foi encaminhado para o Cope, que segue com as investigações.

18 de maio de 2018|COE, Especializadas, Notícias|