Policiais do 7º Batalhão de Polícia Militar (7º BPM) realizaram durante este fim de semana uma grande operação em combate a criminalidade no município de Lagarto. A ação teve como resultado apreensões de veículos e prisões.

Na noite dessa sexta-feira, 9, foi recuperada uma motocicleta com restrição de roubo. José Jhonata Silva de Santana, 21 anos, foi preso pelos militares durante patrulhamento. O fato ocorreu no povoado Jenipapo.

Durante a manhã desse sábado, 10, policiais prenderam cinco suspeitos por roubo e adulteração de documentação de veículos. A suspeita é que os homens revendiam automóveis roubados após adulterarem o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV). Foram presos, Ricardo Lisboa Rodrigues, 36 anos, Júlio Oliveira dos Santos, 30 anos, e Marcos Jeferson Santos da Silva, 26 anos. Os policiais recuperaram em posse dos suspeitos três veículos com restrição de roubo.

Ainda na manhã desse sábado, foi preso Abraão Viana dos Santos, 33 anos, após agredir e ameaçar com uma faca sua própria mãe.

Já na noite desse sábado, foi recuperada uma motocicleta Honda CG OEP 8897 com restrição de roubo no povoado Jenipapo. O suspeito Jailson de Santana Santos, 25 anos, preso pela equipe, confessou ter comprado o veículo por intermédio de Maurício Freire dos Santos, 22 anos, que posteriormente também foi preso.

Após patrulhamento na manhã desse domingo, 11, os policiais localizaram uma motocicleta Honda CG, cor preta, com restrição de roubo. O veículo encontrava-se abandonado na zona rural entre os povoados Brasília e Jenipapo.

Ao final da operação, Claudivan Calixto dos Santos, 26 anos, praticava manobras perigosas com uma motocicleta colocando em risco a vida de pessoas que transitavam no povoado Jenipapo. Ao perceber a presença policial, o suspeito empreendeu fuga desobedecendo à ordem de parada emitida pelos policiais. O homem foi preso por desobediência e autuado por direção perigosa.

Todos os suspeitos, veículos e materiais apreendidos foram encaminhados à Delegacia de Lagarto para adoção das providencias cabíveis.

Última atualização em 12 de agosto de 2019 às 08:54:23.