As ações realizadas pela Polícia Militar do Estado de Sergipe, entre os dias 17 e 21 deste mês, período de vigência do toque de recolher, instituído pelo Governo do Estado para conter a disseminação da Covid-19, garantiram o clima de tranquilidade em Sergipe.

Desde a última quarta-feira, a Polícia Militar reforçou as medidas de fiscalização para garantir o cumprimento das resoluções e decretos do Governo que visam conter o avanço do coronavírus no estado, em atuação integrada com a Força-tarefa que contou com a participação da Vigilância Sanitária estadual, Corpo de Bombeiros, Procon estadual, Defesa Civil, Guardas Municipais, entre outros órgãos.

Durante as operações, realizadas na capital, foram registradas seis conduções à delegacia por descumprimento da Resolução Nº13/2021, três autuações com base em medidas sanitárias de combate ao coronavírus, duas ocorrências envolvendo desacato, e outras quatro por desobediência, além de três flagrantes relacionados a perturbação do sossego.

Já no interior do estado, as equipes da PM contabilizaram 18 casos de infringência as medidas sanitárias, quatro conduções à delegacia por descumprimento da resolução, quatro ocorrências por desobediências as ordens legais e oito flagrantes de uso abusivo de aparelhos de som.

As atividades desencadeadas pela PMSE contaram com a presença do comandante-geral da Corporação, coronel Marcony Cabral, que acompanhou de perto os trabalhos desenvolvidos em Aracaju, participando ativamente das fiscalizações.

O comandante-geral considerou as operações muito positivas. “Demonstramos uma participação efetiva da Corporação, onde muito mais do que o cumprimento de um decreto, trabalhamos pela vida de todos os sergipanos. Os problemas pontuais se deram em função da falta de consciência por parte de algumas pessoas que ainda insistem em descumprir as determinações preventivas, mas no geral, só temos a agradecer a todos os trabalhadores que foram compreensivos com o trabalho da PMSE. Agradecemos também a todos os demais órgãos fiscalizadores com os quais dividimos a honra de trabalhar ombro a ombro. Com serenidade e firmeza, venceremos esta guerra. Deus Proverá”. Enfatizou o coronel Marcony.

O Comando do Policiamento Militar da Capital (CPMC), que no momento é representado pelo coronel Moura, destacou o sucesso do trabalho integrado pelo bem da manutenção da saúde e da preservação da vida, agradecendo ao empenho dos policiais militares.

O coronel Fábio Rolemberg, comandante do Policiamento Militar do Interior (CPMI), ressaltou o êxito das operações desencadeadas em todo o estado. “As ações exitosas da Polícia Militar foram o resultado  do reforço do policiamento aliado a colaboração da maioria esmagadora da população, que entendeu a necessidades das medidas restritivas”.

Última atualização em 22 de março de 2021 às 01:58:06.