Alunos do projeto social denominado “A Escola vai ao Batalhão de Choque” da Policia Militar do Estado de Sergipe se destacaram na primeira etapa do campeonato sergipano de judô, disputado no último sábado, 18, no Ginásio de Esportes Augusto Franco, localizado no bairro Farolândia.

Ao todo, seis alunos se consagraram campeões, três vice-campeões e seis medalhistas de bronze em suas respectivas categorias. Os campeões conquistaram o direito de representar o estado de Sergipe no campeonato brasileiro regional.

O projeto que é fruto da parceria entre o Batalhão de Choque da Polícia Militar de Sergipe e o SESI vem proporcionando a uma centena de garotos a chance de ter o contato com o esporte sem precisar pagar nada. Nomeado “Escola vai ao Batalhão de Choque”, a atividade de cunho social é realizada de segunda a sábado, em três horários, sob o comando do sensei e cabo Élvio Marcelo Lisboa Santos.

“Nossos alunos estão saindo do bairro América para o mundo, graças ao apoio da PMSE e do SESI Sergipe”, destacou o cabo Élvio.

Em atividade há mais de cinco anos, o projeto atende 120 crianças e adolescentes moradores do bairro América. Aproximadamente 500 jovens já passaram pelo projeto, desenvolvido no Centro de Lutas do Batalhão de Choque, anexo às instalações do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP). A ação foi reconhecida pelo Ministério da Justiça como uma iniciativa eficaz de prevenção à violência.

Última atualização em 20 de fevereiro de 2017 às 06:13:11.