Na manhã dessa segunda-feira, 20, o capitão da Polícia Militar do Estado de Sergipe, Irlan Massai Calaça, ministrou uma palestra sobre estresse e confronto armado no cenário de violência urbana, durante capacitação promovida pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE). O curso aconteceu de forma híbrida no Plenário dos Órgãos Colegiados da Procuradoria Geral de Justiça, no Bairro Cambeba, em Fortaleza – CE.

A iniciativa teve o objetivo de orientar membros, servidores e policiais militares lotados na Casa Militar e no Batalhão de Choque (BPChoque) sobre o comportamento adequado em situação de estresse e confronto armado.

Ao longo da palestra, o capitão Calaça apresentou um panorama sobre a violência urbana e abordou a neurociência aplicada ao combate, o estresse e a performance urbana, o custo do estresse e possíveis saídas. Ele expôs dados e estudos científicos referentes às reações biológicas e psicológicas do ser humano no momento da ação e reação, bem como explanou sobre o mecanismo de estresse e a resposta biopsicológica. Outros assuntos debatidos foram: perspectivas de decisão, equilíbrio fisiológico, mobilização de energia para superar desafios, reação de emergência, treinamento para velocidade e eficiência da reação, comparação entre a reação de susto e reação treinada, bem como necessidade de criação de mentalidade de segurança pessoal e institucional.

O palestrante tratou ainda sobre síndrome da adaptação geral, combate real e como o estresse vai além do combate. Ele focou no caráter psicológico da reação humana e nos padrões comportamentais, indicando, como saída, a perspectiva de treinamento, acompanhamento e tratamento para aumento da eficiência e sobrevivência em cenários de violência.

O oficial, que iniciou carreira na PMSE em 2008, foi convidado para a capacitação por possuir extensa formação na área operacional e apreço pelo estudo do treinamento policial. Além do Curso de Formação de Oficiais, pela Policia Militar da Bahia, e Pós-Graduação em Criminalidade e Violência UFS-2018, destacam-se no currículo do capitão as seguintes formações profissionais: Curso de Ações Táticas Especiais (Cate) BOPE/PMAL-2014; Curso de Contraterrorismo GIOE/GNR-Portugal-2019; Curso de Atirador de Precisão COT/Polícia Federal-2019; 47ª INC/Força Nacional-2012; Curso de Operações de Controle de Distúrbios PRF-2013; Curso de Técnico Explosivista Policial BOPE/PMBA-2015; entre outras.

Homenagem

Ainda na cidade de Fortaleza, o capitão Calaça foi homenageado pelo Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), da Policia Militar do Ceará, após palestrar para o efetivo da unidade. A homenagem foi concedida pelo comandante do BOPE, tenente-coronel, Gerlúcio Henrique Vieira.

 

Com informações da Assessoria de Imprensa MPCE

Última atualização em 21 de setembro de 2021 às 03:09:59.