Com a finalidade de debater sobre inovações nas doutrinas de uso de arma de fogo na Corporação, o comandante-geral da Polícia Militar de Sergipe, coronel Marcony Cabral, reuniu, na manhã desta terça-feira, 6, o alto escalão da PMSE, na Sala de Situação do Quartel do Comando Geral (QCG).

Durante o encontro, o comandante do Centro de Treinamento Operacional (CTO), major Josebel Silveira do Nascimento, foi designado para palestrar sobre as diversas doutrinas de uso de arma de fogo utilizadas por instituições policiais do Brasil e do mundo, incluindo o Método Giraldi, amplamente empregado pela Polícia Militar de São Paulo, a maior do país.

Na oportunidade, o coronel Marcony Cabral falou sobre a presença do major Nascimento, que é instrutor de tiro e trouxe em sua palestra conhecimento sobre o Método Giraldi. Segundo o comandante, essa experiência é importante para a construção de uma doutrina na área de tiro para a Polícia Militar de Sergipe, a fim de suscitar policiais bem formados, preservando vidas e defendendo também a própria vida. Ele ainda acrescentou que a Corporação está avançando no que diz respeito a esses mecanismos técnicos, que são importantes para manutenção da eficiência na atividade policial, e que o Centro de Treinamento Operacional tornou-se uma realidade, propiciando a melhoria na formação de militares das mais diversas unidades.

Para o major Nascimento, a palestra foi uma oportunidade para externar os conhecimentos doutrinários de diversas instituições, os quais podem ser utilizados para agregar procedimentos e proporcionar melhorias às doutrinas já internalizadas pelos policiais, como por exemplo, o manuseio de arma de fogo e uso diferenciado da força. “Todo conhecimento adquirido serve para colaborar com a sedimentação da doutrina”, disse ele.

O evento contou com as participações do subcomandante-geral da PMSE, Eliziel Alves Rodrigues; dos integrantes do Estado Maior-Geral; do corregedor-geral da PMSE; do comandante do Policiamento Militar Especializado; comandante do Policiamento Militar da Capital; do comandante do Comando do Policiamento Militar do Interior; do comandante do Centro de Ensino e Instrução; do diretor-geral do Hospital da Polícia Militar; além dos comandantes do Batalhão de Polícia de Choque, Batalhão de Radiopatrulha e do Grupamento Especial Tático de Motos.

Última atualização em 6 de dezembro de 2022 às 04:31:33.