O Colégio Estadual Governador Albano Franco foi a primeira instituição a receber o projeto que pretende, até o fim do ano, realizar atividades em nove escolas situadas no bairro, sendo quatro da rede estadual e cinco da rede municipal de ensino

Teve início, na manhã desta segunda-feira, 13, na comunidade do Bairro Santa Maria, o ‘Projeto Polícia Cidadã: Minha escola mais segura’. A ação é uma parceria entre a Secretaria de Estado de Educação (Seed) e a Secretaria de Segurança Pública (SSP), através da Polícia Militar de Sergipe, cujo objetivo é fortalecer ações de prevenção à violência e à criminalidade nas escolas. O Colégio Estadual Governador Albano Franco foi a primeira instituição a receber o projeto que pretende, até o fim do ano, realizar atividades em nove escolas situadas no bairro, sendo quatro da rede estadual e cinco da rede municipal de ensino.

A programação desta segunda contou com apresentação da Banda da Polícia Militar de Sergipe no período da manhã, e oficina de música na parte da tarde. Nesta terça-feira, 14, acontecerá uma ação da Companhia de Polícia de Trânsito (CPTran) ligada a educação e violência no trânsito. Na quarta-feira, 15, apresentação do canil do Batalhão de Choque. Já na quinta-feira, 16, será realizada uma grande aula de judô para os alunos do Colégio. E na sexta-feira, 17, palestra realizada pela equipe do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) sobre o uso das drogas.

O diretor do DED e representante da Seed, Manuel do Prado, ressaltou que o Projeto é uma ação de mobilização da sociedade civil, juntamente com os órgãos públicos na política de prevenção da violência nas escolas. “Estamos dando um passo importante nessa comunidade, trazendo ações de valorização, conscientização e prevenção. A Polícia Militar de Sergipe tem um papel importante no combate à criminalidade, mas não é só isso, ela também realiza uma ação educacional com o Programa Educacional de Resistência ao uso das drogas. Com isso, estamos juntando nossas forças para garantir uma educação com segurança para nossos alunos”, destacou.

A diretora do Colégio Albano Franco, professora Otília Tatiana Ferreira, disse que essa ação busca minimizar qualquer tipo de violência: física, verbal, psicológica que possa atingir os alunos no Bairro. “Nós contamos com 1.102 alunos do ensino fundamental, médio e EJA. É uma grande parcela de alunos do bairro que vamos atingir nesta primeira fase. Acredito que os alunos terão uma perspectiva positiva quanto aos problemas que atingem a comunidade”, avaliou a diretora.

A representante da Polícia Militar de Sergipe e coordenadora estadual do Proerd, capitã Adriana Littig, ressaltou que o projeto foi pautado em encontros e debates promovidos pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP) e pela Secretaria de Estado da Educação (Seed), para ações de combate à violência nas escolas. Os encontros agregaram também a participação da Secretaria Especial de Políticas para Mulheres, Sintese, CPTran, Programa de Avaliação da Rede Pública de Educação Básica (Proeb) e pais de alunos e alunos das escolas públicas. A capitã informou, ainda, que a próxima escola a ser contemplada com a ação será a Escola Municipal de Educação Professor João Batista Douglas de Souza, entre os dias 27 e 31 de outubro.

Esperança

O estudante Wedney Santos de Matos, 11 anos, do 5º ano do ensino fundamental, ficou muito feliz com as atividades que estão sendo realizadas no Colégio. Assim como a aluna Fabíola dos Santos Gomes, 10 anos, do 4º ano do ensino fundamental, que adorou a apresentação da Banda da Polícia Militar de Sergipe, além das outras ações de conscientização e prevenção que serão desenvolvidas na comunidade.

Para Lucicleide Alves Feitosa, mãe do estudante Cauã, de 8 anos, promover uma ação que visa diminuir os impactos da violência na comunidade é muito bem-vinda. “Eu trago apreensiva todos os dias o meu filho até o Colégio. Sei que vivo numa comunidade que necessita de mais segurança e essas ações dão um pouco mais de esperança na transformação dessa realidade”, declarou a mãe.

 

Fonte: Ascom Seed

Fotos: Eugênio Barreto/Seed

Última atualização em 14 de outubro de 2014 às 09:23:48.