Na manhã desta quinta-feira, 10, nas dependências do Hospital da Polícia Militar de Sergipe (HPM), aconteceu a solenidade em comemoração aos 50 anos de existência do HPM.

Fundado em 1970, o Hospital Dr. Lourival Batista tinha no início de sua existência uma estrutura simples, composta de algumas enfermarias voltadas ao atendimento de pacientes com doenças contagiosas do Hospital Santa Isabel. Após dois anos, sob a gestão do então segundo-tenente Dr. Sálvio Paiva Mendonça, o Hospital da Polícia Militar passou por um processo gradual de modernização com a construção de uma sala para realização de cirurgias, ampliações das enfermarias, construções do Centro Radiológico, laboratório, eletrocardiografia e eletroencefalografia, criação do Centro de Apoio e Nutrição, implementação da unidade de pediatria, construção do Centro Administrativo, além de outras melhorias.

Durante a solenidade, o atual diretor do hospital, coronel Saulo fontes, festejou a data. “Estamos celebrando o aniversário de 50 anos do Hospital da Polícia Militar, uma unidade de saúde que deu início as suas atividades em 1972, apenas com uma enfermaria cedida pelo Hospital Santa Isabel, mas que durante esse período cresceu e tem sido muito importante para a sociedade sergipana. Essa longa história tem a participação de seus atuais e ex-diretores, bem como, funcionários e ex-funcionários militares e civis.”

Para comemorar o aniversário do HPM, policiais militares foram agraciados com as medalhas de Mérito e Tempo de Serviço (10 e 20 anos). Também foram homenageados ex-diretores do HPM e servidores militares e civis que contribuíram para a construção dessa história.

Representando o comandante da PMSE, coronel Marcony Cabral, o subcomandante-geral coronel Eliziel Alves destacou a importância do hospital para a sociedade sergipana. “O Hospital da Polícia Militar faz parte da nossa história, não só devido à assistência prestada aos nossos policiais militares, bombeiros militares e policiais civis, que fazem parte da segurança pública, mas a todo o povo sergipano”.

O evento contou com a presença de autoridades civis e militares, dentre elas o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Alexandre José Alves, o comandante do Destacamento de Controle do Espaço Aéreo de Aracaju, capitão Luiz Humberto Macedo, o capitão dos Portos de Sergipe, Capitão de Fragata Luciano Maciel Rodrigues e a secretária de Estado da saúde Mércia Simone Feitosa, além da Banda da Polícia Militar que abrilhantou o evento com sua apresentação.

 

Última atualização em 11 de fevereiro de 2022 às 08:12:32.