Uma operação conjunta entre a Delegacia Regional de Lagarto e o 7° Batalhão da Polícia Militar (7° BPM), com o apoio da Divisão de Inteligência (Dipol), resultou na prisão de um investigado conhecido como  Jamerson “Jaminho”. Ele é apontado como líder de uma organização criminosa responsável por diversos crimes na cidade de Lagarto e região. A ação policial ocorreu nessa terça-feira (14).

O investigado foi detido em Itabaiana, quando se deslocava dentro de um ônibus de turismo na tentativa de fugir para o estado de São Paulo.

De acordo com o delegado Paulo Cristiano, há aproximadamente três meses a equipe da Polícia Civil de Lagarto, por meio da Divisão de Homicídios, vem investigando um grupo criminoso responsável pelo tráfico de drogas, homicídios e roubos na região.

“Durante as investigações restou apurado que este grupo possuía como líder o indivíduo conhecido como Jaminho, criminoso de alta periculosidade que demonstrava seu poder com uso da violência, ordenando homicídios ou até mesmo executando-os com suas próprias mãos”, detalhou.

No decorrer dos trabalhos policiais os investigadores conseguiram constatar que, além do tráfico de drogas e homicídios, o investigado ordenava que seus subordinados praticassem roubos de carros e motos na região para que esses veículos fossem usados em outros crimes e, posteriormente, fossem vendidos para arrecadar dinheiro para o grupo.

“Mais de 10 homicídios foram praticados pela organização criminosa nos últimos anos, todos estes praticados no contexto do tráfico de drogas e com o mesmo  modus operandi”, acrescentou o delegado.

Paulo Cristiano considerou que a operação teve grande relevância para a localidade. “Com a retirada do Jamerson das ruas, acreditamos que o número de homicídios tenha uma redução significativa, tendo em vista a influência que este indivíduo possuía perante os seus subordinados”, relatou o delegado.

Fonte: Ascom/SSP

Última atualização em 15 de junho de 2022 às 12:52:49.