Na tarde desta quarta-feira, 7, a Câmara Municipal de Aracaju (CMA), concedeu o Título de Cidadania Aracajuana à major da Polícia Militar de Sergipe Evangelina de Deus Santos, natural da cidade alagoana de Penedo.

A comenda foi propositura do vereador  Eduardo Lima e foi aprovada por unanimidade pelos demais membros da câmara legislativa municipal.

A solenidade realizada no plenário da Câmara foi prestigiada por autoridades, entre elas, o tenente-coronel Stênio Gonçalo dos Santos Junior, por familiares e amigos da major Evangelina.

A major, que estava notoriamente emocionada com a homenagem, referiu-se ao título como a realização de um grande sonho. Para ela, ser considerada cidadã aracajuana foi uma bênção concedida por Deus e concretizada por meio da iniciativa e do plausível reconhecimento do vereador Eduardo Lima. “Agora, de fato, eu me sinto oficialmente aracajuana. O que para mim é motivo de grande alegria e realização”, afirmou a mais nova aracajuana.

O vereador Eduardo Lima externou os grandes feitos sociais da major dentro e fora da Corporação. Segundo ele, foi justamente a observância desse valoroso e construtivo trabalho realizado por ela, que possibilitou a concessão desse título tão merecido. O legislador acrescentou ainda que torná-la cidadã aracajuana é um ato justo, principalmente em se tratando de alguém que atua em prol da sociedade sergipana e tê-la na Câmara de Vereadores para receber tal título é uma honra inestimável.

A homenageada

A Major Evangelina de Deus é cristã evangélica, casada com Wellington de Deus, mãe de três filhos, Joabe (casado com Tatyane), Joás e Ewelin e avó de Bruna e Davi Wellington.

Natural de Penedo Alagoas, chegou a Aracaju/Se no ano de 1990 quando prestou concurso para o Curso de Formação de Sargentos (CFS), sendo aprovada e matriculada, ingressando nas fileiras da corporação militar sergipana no ano de 1991, no referido curso.

Filha de Manoel Luiz Sarmento e Maria de Lourdes dos Santos, seu pai faleceu quando tinha apenas um ano de idade, passando a ser criada apenas pela presença materna, sendo a caçula dentre oito irmãos, conviveu com muita escassez e dificuldades, porém sempre viu em sua mãe uma grande generosidade, compartilhando muitas vezes com os vizinhos do pouco de alimento disponível.

Sua trajetória na briosa Polícia Militar de Sergipe é marcada por notável sucesso tendo sua primeira promoção a graduação de 3º Sargento no ano de 1992, sendo promovida a graduação de 2º sargento no ano de 1998.

No ano de 2003, após ser aprovada no Concurso Público para o Curso de Formação de Oficiais, foi matriculada na Academia de Polícia Militar  Senador Arnon de Melo em Maceió/Al, onde cursou por três anos. Em 2005 iniciou sua carreira no oficialato sendo declarada Aspirante a Oficial, em 2006 foi promovida por antiguidade ao posto de 2º Tenente, em 2008 foi promovida a 1º Tenente, em 2014 foi promovida a capitã, no ano de 2018 foi promovida ao posto de major por merecimento com a maior nota da comissão de Promoção de Oficiais, ingressando com isso no oficialato superior da Polícia Militar de Sergipe. Contando com 31 anos de carreira, tendo exercido diversas funções tanto na área operacional,  comandando a tropa no policiamento ostensivo da 2ª Cia do 1º Batalhão, comandante da guarda da Companhia de Polícia Feminina, instrutora do Curso de Formação de Soldados e do Curso de Formação Oficiais e também na área administrativa do Comando do Policiamento Militar do Interior (CPMI), nas 1ª, 3ª e 5ª seções do Estado Maior Geral da PMSE, Coordenação Estadual do PROERD (Programa Estadual de Resistência as Drogas e a Violência). e atualmente integra a equipe que assessora o Comando da Corporação na área de Relações Públicas e Assuntos Civis.

A Major Evangelina de Deus é Bacharela em Segurança Pública e pós graduada em Gestão Estratégica em Segurança Pública (equivalente ao Curso Superior de Polícia), Bacharela em Direito e Pós graduada em Ciências Jurídicas pela Universidade Cruzeiro do Sul, possui vários cursos em sua área de atuação tais como: curso de Comunicação Social  na Polícia Militar de São Paulo, Jornada de Comunicação Social  no Comando Militar do Planalto em Brasília/DF, dentre outros.

Foi condecorada pelo Comando da PMSE com as medalhas de tempo de serviço 10 e 20 anos de relevantes serviços prestados a sociedade sergipana e a Medalha do Mérito Policial Militar.

Recebeu o prêmio Mulheres Maravilhosas pela FECONSEG (Federação dos Conselhos de Segurança de Sergipe);

Foi homenageada pelo Women’s Clube Internacional Of Sergipe pelo Dia Internacional da Mulher.

Última atualização em 7 de dezembro de 2022 às 08:30:05.