A Polícia Militar do Estado de Sergipe, por meio da Força Tática do 8º Batalhão de Polícia Comunitária, prendeu na madrugada do sábado, 26, no Centro da capital, Leone Santos Costa, o ‘Leone da Pela Porco’,  de 22 anos, por tentativa de homicídio contra uma mulher, Brenda Estefani dos Santos, e o segurança de uma seresta, Cleverton Santos Oliveira.

O Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (CIOSP) foi acionado por pessoas que informavam sobre um grande tumulto numa seresta realizada nas imediações dos mercados municipais de Aracaju. A guarnição Tático 82 foi ao local e encontrou um carro sendo incendiado e duas pessoas alvejadas.

De imediato, os militares controlaram a situação, levantaram as características do autor dos disparos e partiram em buscas, até encontrar Leone, ainda em posse da arma usada nos crimes. Questionado sobre a motivação para o delito, o homem informou que havia recebido R$ 600 para matar Brenda Estefani, por conta de dívidas com o mundo do tráfico de drogas.

Segundo levantamentos, as pessoas alvejadas foram socorridas por um motorista e encaminhadas a uma unidade de saúde. O criminoso e o armamento usado, um revólver calibre 38, com sete munições, foram levados à 4ª Delegacia Metropolitana.

Extensa ficha criminal

Após a prisão, constatou-se que Leone tem uma extensa ficha criminal, sendo suspeito de cerca de 50 homicídios na cidade baiana de Feira de Santana. O homem era líder da facção criminosa Caveira, também do município de Feira, e estava escondido na região metropolitana de Aracaju. A expectativa das autoridades da segurança pública da Bahia é que esta prisão reduza o número de mortes executadas pelo crime organizado na região de Feira de Santana.

Última atualização em 30 de agosto de 2017 às 12:55:19.