A Polícia Militar de Sergipe, através da Companhia de Polícia Rodoviária Estadual (CPRv), e o Instituto Tecnológico e de Pesquisa do Estado de Sergipe (ITPS) iniciaram, na manhã desta sexta-feira, 10, uma série de treinamentos com todo o efetivo daquela especializada, com o objetivo de habilitá-lo a realizar a fiscalização do uso do cronotacógrafo.

O cronotacógrafo é um equipamento de uso obrigatório para veículos de transporte escolar, de produtos perigosos, de passageiros acima de 10 lugares e de carga com peso bruto total (PBT) acima de 4.536 kg, que registra, além de outras informações, a velocidade, a distância percorrida e a identificação do condutor desses veículos, quando em circulação pelas vias abertas.

De acordo com o art. 4º da Resolução nº 92/1999, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), para realizar a fiscalização desse equipamento, os agentes fiscalizadores deverão ser submetidos a um prévio treinamento sob a responsabilidade do fabricante, conforme instrução dos fabricantes dos equipamentos ou pelos órgãos incumbidos da fiscalização.

Além do presidente do ITPS, Jecson Léo de Souza Araújo, e do comandante da CPRv, major Santos Júnior, participaram da abertura dos trabalhos os representantes das principais empresas fabricantes desses equipamentos. O treinamento vai ocorrer em quatro sessões, sempre às sextas-feiras, na sede do ITPS.

De acordo com o major Santos Júnior, o treinamento otimizará a fiscalização aos usuários das rodovias estaduais. “A fiscalização dos registradores instantâneos inalterável de velocidade e tempo requer um conhecimento mais específico, e que a partir de agora, ela vai ocorrer de forma mais eficaz, haja vista que todos os policiais da CPRv estarão habilitados a autuarem os condutores que desrespeitam as regras de seu uso”, salientou o comandante.

Última atualização em 10 de julho de 2015 às 05:48:40.