A Polícia Militar de Sergipe, por meio do Pelotão de Polícia Ambiental (PPAmb), flagrou no último domingo, 12, uma situação de crime ambiental de maus-tratos de animais em um estacionamento de um shopping de Aracaju.

Os policiais da ambiental foram acionados pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), para verificar a procedência da denúncia, de que uma mulher havia deixado um cachorro dentro de um carro, por cerca de duas horas, no estacionamento de um shopping da capital.

Segundo os frequentadores do local, o animal encontrava-se bastante debilitado pelo forte calor, tendo em vista que os vidros do automóvel estavam fechados e a carga térmica no local era de mais ou menos 35°.

A guarnição policial conseguiu identificar a proprietária do animal com o auxílio do serviço de som do shopping. Ela informou aos militares do PPAmb que agiu daquela maneira porque não poderia entrar com o cão no shopping, já que o estabelecimento proíbe a entrada de animais. Nesse momento, inconformados com o fato, as pessoas que testemunharam a situação de maus-tratos ameaçaram agredir a mulher, sendo necessário a intervenção policial para evitar um possível linchamento.

Contido os ânimos, foi explicado que a situação estava configurada como flagrante de crime ambiental. Sendo assim, a infratora concordou em assinar um termo circunstanciado, onde responderá por crime ambiental de maus-tratos contra animais, previsto no artigo 32 da lei 9.605/98, lei de crimes ambientais.

Última atualização em 15 de fevereiro de 2017 às 11:05:41.