O Departamento Estadual de Trânsito (Detran/SE) e a Polícia Militar de Sergipe, através da Companhia de Policiamento de Trânsito (CPTran), estarão realizando a ‘Operação Cavalo de Aço’. A ação, que ocorre na Grande Aracaju por tempo indeterminado, tem o objetivo de coibir os acidentes de trânsito com motocicletas e inibir ações criminosas praticadas com esses veículos.

Duas fiscalizações desta operação foram realizadas nas tardes de quarta-feira, 8, e quinta-feira, 9, nos municípios de Barra dos Coqueiros e em Aracaju (embaixo do viaduto do bairro Industrial), respectivamente. Na última ação, realizada na quinta-feira, foram autuadas 18 motocicletas, outras quatro foram removidas ao galpão do Detran/SE por licenciamento vencido e duas Carteiras Nacional de Habilitação (CNH) foram recolhidas.

Durante a operação realizada na Barra dos Coqueiros, foram registradas 27 infrações, com nove Certificados de Licenciamento Anual (CLA) e cinco CNHs recolhidos, além de sete veículos removidos para o pátio. Para o comandante da CPTran, major Fábio Machado, esse tipo de fiscalização é importante para prevenir acidentes e diminuir ações criminosas praticadas por pessoas em motocicletas.

“Estatisticamente, o Brasil é o segundo país no mundo no ranking de mortes com motocicleta. Normalmente, quando ocorre acidente envolvendo motos, a probabilidade do condutor perder a vida é muito alta. E quem não morre fica com graves sequelas. Por isso, é uma preocupação do órgão mostrar a estes condutores que a motocicleta é veiculo com vantagens em mobilidade e economia, porém também requer mais cuidados no trânsito”, explica.

Outro foco da fiscalização é a redução da criminalidade em Sergipe. “Queremos oferecer a sensação de segurança à população e tirar de circulação os criminosos que se utilizam desse tipo de veículo para cometerem assaltos”, destaca Fábio Machado.

 

Fonte: Ascom Detran/SE

Última atualização em 14 de abril de 2015 às 09:12:28.