Com o objetivo de fortalecer a prevenção do câncer de próstata na Corporação, a Polícia Militar de Sergipe, por meio da 3ª Seção do Estado Maior Geral (PM-3), promoveu uma palestra direcionada aos policiais militares do estado. O evento, que faz parte da programação da Polícia Militar durante a campanha Novembro Azul, ocorreu na manhã desta terça-feira,´29, no Auditório da Academia de Polícia Civil de Sergipe (Acadepol).

O palestrante convidado, o médico urologista adulto e pediátrico, Fábio Quintiliano, alertou que o Novembro Azul serve para propor a conscientização de diagnóstico precoce para o câncer de próstata. Segundo ele, a ida a um urologista é indispensável para todos os homens com mais de 50 anos, ainda que não apresentem sintomas, bem como para os que possuem fatores de risco na família, ou sintomas como: dificuldade ou sangramento ao urinar, e aumento de idas ao banheiro.

Para o chefe da PM-3, Seção de Ensino da PMSE, coronel Vivaldy Cabral, que representou a Secretaria de Segurança Pública de Sergipe, a palestra foi extremamente produtiva, uma vez que embute nos militares a importância de tratar sobre o câncer de próstata. Já que assim como o câncer de mama, as chances de cura para o de próstata são maiores quando o problema é diagnosticado precocemente.

O primeiro sargento Messias falou sobre a relevância das explanações feitas sobre o Novembro Azul. Ele acrescentou ainda que o evento foi muito importante para a quebra de paradigmas no tocante aos medos e preconceitos que envolvem o assunto. “A palestra foi muito proveitosa e teve excelente qualidade”, disse ele.

Sobre o palestrante

O urologista Fábio Quintiliano é Mestre em Medicina e Saúde Humana; Pós-Graduado em Cirurgia Robótica; Fellowship em Urologia Pediátrica; Membro Titular da Sociedade Brasileira de Urologia; Coordenador da Urgência Urológica do Hospital São Lucas; e Coordenador do Centro Cirúrgico do Decos Hospital.

Última atualização em 30 de novembro de 2022 às 08:22:34.