O procurado pela justiça resistiu à abordagem e atirou contra os policiais militares 

Durante uma abordagem de rotina nesse sábado, 19, no Bairro Aruana, na Zona de Expansão da capital, policiais militares da Força Tática do Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur) foram recebidos a tiros por um motociclista com mandado de prisão em aberto pelo crime de tráfico de drogas. Houve confronto com o agressor, que não resistiu e veio a óbito. 

A equipe da Força Tática realizava o patrulhamento pelas ruas daquele bairro, quando visualizou um motociclista que não parava de olhar para trás, mostrando desconforto com a presença policial. Diante da atitude suspeita, os militares decidiram abordar o suspeito, que para se livrar do flagrante, sacou uma arma e passou a atirar contra os agentes. 

Para tentar cessar a injusta agressão, os policiais militares revidaram os disparos e atingiram o motociclista. Ele foi socorrido imediatamente para o Huse, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. 

Mediante identificação e consulta aos bancos de dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP) ficou constatado que o homem possuía mandado de prisão em aberto pelo crime de tráfico de drogas, após sentença definitiva; como também, respondia processos por homicídio e roubo. 

A arma de fogo utilizada contra os policiais e a motocicleta foram apreendidas e encaminhadas à delegacia responsável. 

 

Última atualização em 20 de junho de 2021 às 10:48:33.