Nesta quinta-feira, 20, será realizada em todo o território nacional uma megaoperação conjunta, denominada “Operação Tiradentes”. As polícias militares e corpos de Bombeiros de todos os estados brasileiros desenvolverão simultaneamente essa operação, que tem por objetivo a manutenção da ordem pública, e juntos, somam mais de 600 mil profissionais disponibilizados.

A ação tem seus propósitos focados nas metas de segurança almejados pela nação, uma vez que, visa contribuir, de forma significativa, para o exercício do papel primordial do Estado, que é a promoção da segurança pública, condição essencial para a vida em sociedade.

A operação dará início às 14h da próxima quinta-feira, 20, até às 10h da sexta-feira, 21, e será executada de acordo com as peculiaridades de cada estado, por meio de ações especiais e específicas, visando a prisão de criminosos, o cumprimento de mandados de busca e apreensão, apreensão de drogas e armas, além da localização de veículos roubados/furtados.

Os batalhões dos corpos de bombeiros militares de todos os estados também participarão dessa grande operação, tendo como foco, as suas ações específicas que complementam a operação.

Em Sergipe, a operação será iniciada às 14h desta quinta, com saída programada para o Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP), onde os comandantes do policiamento militar da capital e do interior estarão presentes. Na capital, a manobra contará com um efetivo de 498 policiais e 168 viaturas, e no interior, 450 policiais e 45 viaturas.

O resultado da operação será divulgado pelo presidente do Conselho Nacional de Comandantes-Gerais das Polícias Militares e Corpos de Bombeiros Militares do Brasil (CNCG-PM/CBM), coronel PM Marcos Antônio Nunes de Oliveira, do Distrito Federal.

Última atualização em 19 de abril de 2017 às 06:35:22.