O projeto social da Polícia Militar do Estado de Sergipe, denominado “A Escola vai ao Batalhão de Choque”, promoveu nessa quinta-feira, 16, a entrega de 110 cestas básicas de alimentos às crianças de baixa renda atendidas pela iniciativa. A ação solidária ocorreu no Centro de Lutas do Batalhão de Choque, anexo às instalações do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (CFAP), localizado no bairro América.

Os alimentos não perecíveis foram arrecadados por meio de eventos realizados nas dependências do SESI, que é o maior parceiro do projeto desde a sua criação. Ao todo, foram angariados alimentos suficientes para completar 220 cestas básicas, sendo que a metade foi destinada ao projeto social denominado “Fumaça Zero”, coordenado pelo cabo Adriano na comunidade do bairro Aeroporto.

A atividade de cunho social, idealizada pelo sensei e cabo Élvio Marcelo Lisboa Santos, proporciona a prática gratuita do Judô a uma centena de garotos em situação de vulnerabilidade social.

Segundo informações do cabo Élvio, nos cinco anos de existência do projeto “A Escola vai ao Batalhão de Choque”, mais de 600 crianças já foram atendidas. Atualmente, 168 crianças estão participando das atividades sócio esportivas.

Última atualização em 19 de março de 2017 às 03:16:10.