O vereador Fabiano Oliveira usou o espaço do Grande Expediente da 73ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Aracaju (CMA) desta terça-feira, 24, para falar do trabalho da Polícia Militar de Sergipe (PMSE). Durante o pronunciamento, o parlamentar aproveitou para reforçar e valorizar o trabalho em nome do comandante-geral, coronel Marcony Cabral Santos, estendendo para toda corporação.

“Mudar o nebuloso quadro de um segmento público tão complexo, que exige, além de preparo dos seus gestores, formação e valorização dos seus integrantes, estrutura logística adequada para desempenho das funções e formação perene para a prestação de um serviço de excelência ao seu bem maior, o povo sergipano, certamente não seria, e não é tarefa fácil”, pontuou.

Fabiano destacou ainda a forma como o coronel Marcony, com o auxílio do governador Belivaldo Chagas, consolidou o comando em pilares importantes, dentre eles o da valorização humana e das ações do policiamento.

“Desde 2016 foram dadas promoções para mais de 4 mil policiais militares, realização do Projeto “Pé na Estrada”, ação que materializa a presença do Comando-Geral in loco, ou seja, “O Comando vai aonde está a Tropa”, verificando as necessidades logísticas das unidades policiais, os anseios dos profissionais, as dificuldades e a busca por soluções que tragam a fluidez, as condições e a tranquilidade ao policial militar para bem desempenhar suas funções”, comentou.

“A criação das Forças Táticas policiais, do Centro de Treinamento Operacional da Corporação, do Centro de Ensino e Instrução da PMSE e reforma do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças, da Diretoria de Motomecanização, além da renovação de quase 95% da frota de veículos operacionais e administrativos e redução de índices criminais”, ressaltou.

Não menos importante, Fabiano aproveitou para elogiar o dinamismo e o comportamento proativo da gestão que faz agregar a consciência de que uma engrenagem funciona de maneira harmônica, e de que todos têm a responsabilidade de abraçar a nobre missão de bem servir a nossa população, e isso se vê em números no cenário de pandemia. Entre 2020 e 2021, foram realizadas mais de 8 mil operações policiais, resultando em mais abordagens, procedimentos policiais, armas apreendidas, veículos recuperados, termos circunstanciados e flagrantes.

 

Com informações da Agência de Comunicação da CMA.

Última atualização em 24 de agosto de 2021 às 07:01:27.