A Polícia Militar de Sergipe, por meio do 1º Batalhão de Polícia Comunitária (1º BPCom), foi solicitada, via Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp), para atender uma ocorrência de tentativa de homicídio por arma de fogo, na manhã dessa quinta-feira, 10, em um sítio localizado no Loteamento Aloc, no bairro Jabotiana, em Aracaju.

Ao chegar ao local, os policiais encontraram a vítima, um adolescente de 13 anos, com ferimentos graves decorrentes de disparo de arma de fogo. Segundo informações de familiares que estavam no local, o jovem teria se acidentado ao manusear uma espingarda calibre 32, de propriedade do avô. O armamento estava com três cartuchos intactos, escondida embaixo de uma cama, e foi apreendido pelos policiais militares após buscas na residência.

Na porta da casa, as equipes localizaram um cartucho deflagrado da referida espingarda. Em meio a diligências, também, foi encontrado um coldre de arma curta. Questionadas sobre a arma de fogo, pessoas que estavam no local afirmaram pertencer ao avô do jovem, dono do sítio. Ao saber do deslocamento das equipes policiais, no entanto, o indivíduo evadiu-se do sítio.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU), solicitada para socorrer o adolescente, avaliou como grave o estado de saúde da vítima. O jovem foi levado ao Hospital de Urgência de Sergipe (HUSE). Já a arma de fogo, as munições e o coldre apreendido foram encaminhados à Delegacia de Polícia Judiciária para as devidas providências.

Participaram da ação as guarnições do Tático 11 e 12 do 1º Batalhão de Polícia Comunitária (1º BPCom), unidade comandada pelo tenente-coronel Hilário.

Última atualização em 11 de novembro de 2016 às 10:55:01.