A Polícia Militar do Estado de Sergipe (PMSE), por meio do Programa de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), iniciou a sexta edição do projeto Polícia Cidadã: Minha Escola Mais Segura. O projeto está na segunda semana de realização e acontece na cidade de Santo Amaro das Brotas, região da Grande Aracaju.

A sexta edição do projeto Polícia Cidadã: Minha Escola Mais Segura acontece na cidade de Santo Amaro das Brotas. Durante duas semanas, três escolas da rede pública e uma da rede particular de ensino recebem os policiais militares para desenvolver as atividades propostas nas turmas do 5° ano.

O projeto foi idealizado pelo Núcleo Proerd, coordenado pela capitã Adriana Littig, ainda em 2014 e tem como objetivo fortalecer as ações de prevenção à violência e à criminalidade nas escolas e em seu entorno.

Com ele, é possível diagnosticar alguns problemas de Segurança Pública por meio de uma maior aproximação entre os diversos atores da PMSE e a comunidade escolar. Atividades lúdicas e prazerosas no combate ao crescimento da violência são apresentadas para despertar o interesse dos alunos na busca de ações coletivas de prevenção.

Na primeira semana, os alunos do turno matutino tiveram a oportunidade de assistir ao Concerto Didático da Banda Capitão José Machado dos Santos da PMSE na cerimônia de abertura do projeto, que aconteceu no ginásio poliesportivo do SESI.  Nesta segunda semana, a partir da segunda-feira, 12, os alunos do turno vespertino desfrutam do projeto social.

“O projeto Polícia Cidadã: Minha Escola Mais Segura se apresenta como uma política pública de segurança, que foi viabilizado através do convênio 792560/2013 com a Secretaria Nacional de Segurança Pública, numa sensibilidade da Polícia Militar no tocante ao aspecto social na promoção do serviço público de segurança”, enfatiza a capitã Littig.

Além das palestras de Prevenção e Resistência às Drogas e à Violência realizadas pelos Instrutores Proerd, o projeto também desenvolve atividades da Companhia de Policiamento de Trânsito (CPTran); oficina de “aulão de judô” com o cabo Elvio, idealizador do projeto A Escola vai ao Batalhão de Choque; e atividades da  Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPCães).

Última atualização em 13 de agosto de 2019 às 11:20:16.